Apoiadores:

Apoiadores:
Apoiadores: Hidromel Old Pony

sábado, 28 de maio de 2016

Odin’s Krieger Festival 2016, Segundo dia – Fotos por Sérgio Scarpelli

Salve, medievalistas e headbangers!


No dia 14/05 (sábado) rolou o segundo dia do Odin's Krieger Festival 2016. Novamente fiquei triste por não poder estar lá, fui impedido por outros compromissos, de forma que não posso descrever o evento pra vocês com as minhas próprias palavras (embora eu tenha certeza de que foi foda, só pelos relatos que ouvi). Mas eu trago pra vocês uma seleção de fotos feita a partir do álbum do fotógrafo oficial do evento, Sérgio Scarpelli, e novamente um resumo do que rolou, nas palavras de sua esposa, Karen Wendy:

"No último dia 14 de Maio aconteceu na Clash Club em São Paulo o 2° dia de show do evento Odin’s Krieger Fest, e como já se esperava, a casa estava lotada. Neste dia se apresentaram as bandas Mandala Folk de Curitiba que trouxe um repertório bem ao gosto de quem curte um bom e velho heavy metal, é claro, em uma versão Mandalística, eles tocam sons próprios e alguns covers, foi lindo ver a galera curtindo e agitando a música The Clansman da banda Iron Maiden.

Logo após se apresentou a banda O Bardo e o Banjo, eles são bastante irreverentes, fazem uma mistura de country, folk e rock n roll. Tocam sons próprios e também alguns covers como: Van Halen, Megadeth, Motorhead e neste dia eles emocionaram o público tocando o cover da música Mama I’m coming home de Ozzy Osbourne, neste momento as luzes da Clash Club se apagaram e o público presente iluminou o local com as luzes de seus celulares, foi um momento mágico e com muita emoção causando arrepio em todos. Neste show do Bardo e o Banjo, eles contaram com a participação do músico Rik Dias que subiu ao palco tocando violino e com uma tiara de chifre na cabeça que ascendia uma luz vermelha, ele participou como um diabo tocando a música The Devil Went Down to Georgia (Charlie Daniels Band cover).

E como anunciado no Cast, nesta edição do Odin’s Krieger Fest, a banda Taberna Folk de Cosmópolis se apresentou também no segundo dia do evento, e já era de se esperar mais uma apresentação de sucesso, enquanto a banda tocava, na pista a dança rolava, os presentes dançavam alegres e felizes como se nunca tivessem ido a um show da banda, e o melhor de tudo, todos bêbado e se abraçando. E como não poderia faltar, tocaram  o hino dos bebuns Estamos Todos Bêbados (Matanza cover) onde a galera canta junto fervorozamente, e em seguida fecharam com a música Sieben Tage Lang.

Mais uma vez o grupo de batalhas Ordo Draconis Beli se apresentou agitando o público que abriu uma grande roda e a empolgação rolou por aproximadamente uns 15 minutos enquanto a banda Tuatha de Dannan se preparava para subir ao palco.

Neste intervalo a galera aproveitou para tirar umas selfies com as bandas, com o fotógrafo oficial do evento e para demonstrarem algumas lutas amigáveis na pista. Na parte de cima da casa aonde se localiza o mesanimo estava bem agitado com vendas de produtos medievais como vestimentas, acessórios, canecas, doces e merchandising das bandas com os integrantes assinando camisetas e cds.

Enfim, chegou a tão esperada banda da noite, os mineiros de Varginha Tuatha de Dannan subiram ao palco embalando o público com a música We’re Back, é demais ver uma banda nacional que faz com que a galera cante todas as suas músicas, sendo do mais novo ao primeiro cd. O último cd da banda ‘Dawn Of A New Sun’ é repleto de músicas empolgantes. Os mineiros também contaram com a participação do músico Rik Dias durante algumas músicas do repertório. E como não poderia faltar, tocaram as mais pedidas Tan Pinga Ra Tan, The Last Words, e Fingaforn.

Enfim, o público do Odin’s Krieger Fest não satisfeito com dois dias de shows em semanas seguidas, está na página do evento pedindo ao organizador que faça ao menos um evento por semestre. E aí, será que rola? Vamos aguardar até a próxima edição."









































Não deixe de ver o álbum completo no facebook! Esta seleção preparada por mim é apenas uma parcela de tudo que tem lá. São quase 400 fotos, muitas sendo do público:

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.1035159459907537.1073741841.581900048566816&type=3

Veja também aqui no Cena Medieval:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe o seu comentário sobre este artigo